Desafio

O Campus Engenheiro Coelho, do Centro Universitário Adventista de São Paulo (UNASP), conta com mais de 9 mil alunos, para os quais oferece cursos desde o ensino infantil até o mestrado. O desafio da instituição é tornar seus alunos fluentes em um segundo idioma – o inglês –, preparando-os para estudar em qualquer outro país que desejarem, além de atender às expectativas do mercado de trabalho brasileiro.

Os alunos de graduação podem participar de intercâmbios em universidades adventistas nos Estados Unidos, Inglaterra, Espanha, Itália, França, Áustria, entre outros. Recentemente, 200 alunos do UNASP participaram de intercâmbios em diferentes países. A Universidade também recebe alunos estrangeiros, o que motivou a instituição a oferecer o curso de português da Rosetta Stone como extensão da sala de aula.

Solução

A solução da Rosetta Stone é utilizada como complemento à grade curricular do UNASP e permite o aprendizado de idiomas de forma natural, contemplando: leitura, escrita, compreensão auditiva e conversação.

A plataforma traz também ferramentas para aprimorar pronúncia e testes para avaliar o desempenho. Os resultados dos testes são fundamentais para que os professores programem as aulas e identifiquem eventuais necessidades de reforço das lições. Reforço que o aluno pode fazer em qualquer lugar ou horário pela mobilidade que a plataforma disponibiliza.

Além do Inglês, que é obrigatório, os alunos também podem aprender outras línguas. A solução Rosetta Stone® Foundations oferece cursos a distância em 24 idiomas, nos níveis básico e intermediário.

Benefícios

Os cursos de inglês da Rosetta Stone são oferecidos aos alunos desde o sexto ano do ensino fundamental até a graduação, além de estarem disponíveis para professores e funcionários.

Para os alunos da graduação, o curso online é um grande aliado no aprendizado, porque permite praticar o idioma de onde estiver, complementando as aulas presenciais.

Existem ainda grupos específicos que estudam francês, espanhol, japonês e árabe, entre outros idiomas, que não estão incluídos na grade regular, mas que podem ser escolhidos.